$hide=post

Novidades$show=404$type=carousel=hide$count=6

$hide=404$show=mobile$show=post

Esposa obediente. Primeira parte, por Mario Loff

Se pensamos coisas grandes ficamos imensos, nem se for só no sonho

Primeira parte 

Esposa obediente

I

Que fique claro o que tinha dito o avô da minha bisavó. “O dia que o homem chegar a casa de uma mulher ela torna ainda mais um segredo por se revelar” não entendi até hoje, contudo me inspirei para pensar que. Quando somos novos, sentimos o mundo a andar nas nossas mãos. Por ter tudo em dia seremos capazes de fazer grandes revoluções em pensamentos e palavras, às vezes pensamos que o nosso próprio fôlego gira, entra e sai de nós mais rápido que o movimento do mundo, aparentemente. Estar novo é sentir-se convencido de que alguém envelhece, mas só os outros, nós não, especulamos que a nossa geração é melhor que a outra que passou e a que vem vai aprender com as nossas ações, não são enganos de que tudo o que há no universo gira a volta de nós e mal, damos conta que tudo não passa de um tempo muito bem programado para dececionarmos lá à frente da vida e quando abrimos a nossa mala que está cheia de trapos da vida, feita em tempos das nossas vivências que jamais recuperaremos, com vestuários que vestimos ao contrário por tomar uma boa ou má decisão e, ao olharmos a nossa pele, e ela está ao contrário, por alguns momentos ao olharmos no espelho a nossa própria cara e pele aprende a nos encarar.

A trouxa cheia de roupa é só multiplicação de muitas coisas chamadas vida e lida carregada de um passado muito bem estragado com boas e más coisas e um certo cheiro de um corpo que era novo e a ignorância pura de magia que pouco servia para salvar as nossas próprias revoluções e revoltas. O sorriso do tempo da mocidade é sinal de que a maturidade é isso. Acertar os nossos erros como se eles fossem um verbo cheio de poder com mãos e pés que mudam se metamorfoseando, o futuro e o presente se entrelaçam e tudo se conjuga.

No fundo, o amadurecimento viaja gradualmente no nosso corpo até chegar na cabeça, por nossa conta, por termos deixado raios bem iluminados passar para a outra pessoa, temos de ter a obrigação de iluminar o caminho dos outros, serve para tornear a vida com sabedoria, quando estamos novos queremos logo brilhar e quando envelhecemos só queremos iluminar as coisas e as pessoas, aí seremos homens com olhos abertos, adivinhadores das ações dos mais novos, seremos uns bons homens e manhentos com grandes conhecimentos guardados em silêncio, o próprio silêncio deixará de ser um segredo, cansamos de falar e de estar a repetir as coisas porque a vida nos castiga por repetir os erros ao aprendermos as coisas fora do seu tempo.

Bons pais falam em silêncio, o olhar do homem velho só indica o caminho certo do futuro, sendo assim, educam com iluminação e os filhos brilham na vida. Nada é absolutamente certo na vida, há quem esteja pronto para cortar este ciclo, por isso, o mundo é um lugar que se estraga com boas e más ações e sempre haverá homens que se evoluem diante das dificuldades.

Se pensamos coisas grandes ficamos imensos, nem se for só no sonho ou a ideia que o valha na cabeça, seremos estrelas e planetas que poucos sabemos se somos, demoramos em descobri-lo. Somos grandes a continuar, a iluminar e seremos algum propósito inspirador de alguém que talvez nunca conheçamos. É importante continuar a caminhar.

É preciso ter aquilo que segura um homem perante a terra, aquilo que é maior que a gravidade, que desafia a resistência e torna um homem desapegado de certas coisas materiais e terrenas. A fé. Depois a morte. A morte acaba com a verdadeira fé de um homem que a professa, fica a memória. Por isso, são fortes, um com poder e outro com a eternidade e esquecimento de alguns homens.

II

A temperatura estava agradável, o tempo húmido e a neve já começava a beijar a grande montanha. O estilo da rocha parecia que fugia de outra coisa. A sua forma, meio coisa necessária para a natureza e meio animal estático quase paleozoico, uma parte fica mais adentro da própria rocha como uma barriga que empurra a fome para fora e mais adiante ela galga água como se fosse choro de alguém com sintomas de arrependimento, talvez por tapar às gentes do vale a visão de outro lado em direção à cidade grande.

É uma montanha com rabo negro da madrugada e boca com sorriso do meio da tarde a procurar comida. Deitada num estilo igual a um dinossauro que por não chegar a tempo de se alimentar simplesmente morreu a abençoar o vale com as plantas, frutas, peixes que nascem na lagoa Gémea e as águas vão-se perdendo até ao mar mais próximo. À noite parece um promontório encomendado para proteger as pessoas do vale de Lagoa Gémea como se algum dia alguma profecia se fosse concretizar; vinham os cheiros e os barulhos de cimboa e batuque à noite e naquele momento Caracunda retirava as últimas notas e escrevia sobre as flores no imenso milheiral. Parou, pôs as mãos na cara e olhou para o céu. Ele que escreve poemas nas horas do seu descanso e em momentos de inspiração saca da sua caneta e anota a ideia que ele pesca ou consegue descortinar nas situações que vive, trabalhador do campo e no tempo de azágua também se intitula camponês e poeta de campo.

Todos no vale acreditam que por detrás da montanha havia alguma magia de transpiração e que soaria toda a vida nas coisas, nos alimentos e nos seres vivos. Cai uma gota de chuva. Ele permaneceu a olhar. Caíram algumas outras gotas de chuva e ele andou em direção ao topo da montanha e pôs a mão na testa e olhou para o céu como se estivesse a desafiar o mandante de mais uma chuva intensa. Caíram as chuvas, em mansidão acompanhadas pelo vento, em força acompanhadas pelas trovoadas, muito calmas acompanhadas pelo sol. Voltava em ritmo desafiante, derrubava milhos, estradas, animais, homens e os seus sonhos e mais uma vez o renovar da esperança nas pessoas; naquele momento Caracunda não ia aguentar mais um ano perdido, já era a sexta vez que perdia tudo por aquilo que mais se deseja na terra, as chuvas.

Em duas horas de chuva, ele limpou com as mãos a testa e abaixou a cabeça para a extensão do vale e só havia lamas e cheias que correm em direção ao mar e a chuva que parava e a outra que começou a cair do seu olho, como se mudassem de forma em que o céu fosse o branco límpido dos olhos dele, os olhos pariam as chuvas, em choro e mágoa na cara do homem que desmancha por dentro, alguma esperança deu lugar ao desespero e desistência de estar a insistir naquele trabalho anos após anos. As chuvas recém-caídas não molharam só a terra e nem quebraram só os milheirais; a cara do homem mudara ao observar o vale, com desespero, com o disperso sentimento de despedida e de tudo ter feito. As chuvas encharcaram-no e afogou desejos intactos por dentro e quebrou a ligação à terra. Ajoelhou, observou a extensão da montanha, lamentou para o céu, desta vez para o responsável que provocou mais uma chuva intensa e tudo se perdeu. E disse.

— Ainda pensam que estou nesta vida para me dar bem? Ouve bem, o senhor colocou-me aqui para sofrer, mas estás enganado. Parece que tens prazer em castigar as pessoas que acreditam em ti, que te amam. Não esqueça que o senhor é um homem que “tá graba faxi” e com muita facilidade. Após proferir as palavras finais na forma mais íntima possível, terminou de falar para o céu, cansado de tanto trabalhar e de estar molhado nas chuvas, apanhou a sua enxada, um machim e a sua marmita ainda amarrada e ensopada de água e pôs-se a caminho de casa.

CONTINUA A LEITURA, LEIA A SEGUNDA PARTE

Mario Loff

COMMENTS

Pub

Populares$show=404

Formulário de Contacto

Nome

Email *

Mensagem *

Nome

2MUCH,12,6 crianças na Tarrafal,9,Abraão Vicente,37,Adê,4,Aderito Depina,5,Africa,1,album,87,Alex Evora,27,Alicia Pereira,7,Alsis Dende,20,amadeu oliveira,33,Amílcar Cabral,8,Amoransa,16,anedotas,20,Angela,6,Anilton Levy,103,Anny,5,Apollo G,70,apolo sc,8,Arielson,6,Aristide Gaspar,5,Arte,7,artistasCV,18,Ashley,8,August Silva,23,Aventuras di Bubacar,8,Badoxa,14,Basket,25,Batchart,11,batuku,115,Beleza,59,Betinho,28,beto alves,8,Beto Dias,50,Beto Duarte,12,BigZ Patronato,84,Biografia,207,Black G,25,Blacka,27,BossAC,4,Boy Game,27,Breve,15,Bruce Semedo,12,Bruno Rodriguez,6,Buguin Martins,25,c.james,24,cabelo,27,Cadillac Ali,8,Calema,10,Carlos Andrade,10,carros,3,Carter MC,10,casa do lider,64,caso Davidson,6,Cesar Sanches,12,Cesaria Evora,14,Cesf,64,ceuzany,16,Charbel,23,Chrislainy Lopes,28,chuva,14,cileiza barros,15,cleiton,3,comedia,287,contos,85,covid-19,332,CRASDT,8,Cremilda Medina,16,Cultiva,15,curiosidade,635,CV,1,CVMA,49,CvTep,28,dança,39,Danilson Pires,9,David Brazao,9,Deejay R_One,12,deibby,7,delta ramantxadas,11,Denis Graças,11,Dentu Moda,17,Desaparecimento,103,Desporto,393,Detroit Kabuverdiano,8,dev,1,Devil K,12,DG One,15,diabona,17,Dibaz MOB,15,Dicas,92,Dicla,43,Dino D'Santiago,23,Divas Paris,6,Dj Kelven,9,Djam Neguin,39,Djedje,9,Djeison Lumi,21,djodje,147,Djy Indiferente,73,DNOS,9,documentário,2,Du Marthaz,25,Duelo de Artista,1,Dynamo,51,Economia,4,Eddu,24,Edwin,5,Elias Kailan,5,Elida Almeida,72,Elji Beatskilla,40,Elly Paris,35,Eloisa,5,Eminem,5,emprego,3,Entrevista,167,Erros nos manuais,7,EtelLopes,27,evelise carvalho,4,Evento,454,Expavi,11,FattúDjakité,13,Ferro Gaita,15,Fidjos Di Belo Freire,14,fidju di nhu Santu Amaru,5,fil g kamporta,40,FlowPezoD,7,Fofoca,353,França,124,Fred G-HarT,8,Fredked SamBriu,11,freirianas guerreiras,13,Fugi Regra,15,Funana,547,Futebol,106,Ga daLomba,23,Gabriela Évora,5,Gamboa,1,garry,78,Gaucho do Bem,52,Ghetto Stars,5,Gil Semedo,32,gilson furtado,14,giovani rodrigues,42,Grace evora,15,Gracelino Barbosa,21,Gylito,5,Heavy H,5,Helio Batalha,76,Hilário Silva,17,Hip Hop,1475,info,2,internacional,220,intimo,14,Isah,14,IUcv,5,IvanAlmeida,2,Ja Diva,23,Jailson,25,JamesTC,5,Jassy Correia,10,Jay,56,JCF,20,jennifer dias,19,Jéssica Pellegrini,7,Jimmy,7,Jm Caps,5,JoaoBranco,3,Joaquim,1,Jorge Neto,30,Josslyn,55,Judepina,5,JuntosMusica,49,kady,9,Kaka D'Lidia,10,Keyla,26,Kiddye Bonz,24,kizomba,448,KMA,7,Komikus Tarrafal,25,Kruvela Jr,10,lavinia,16,Lavvy,21,lejemea,59,Lenira Querido,7,Leny,3,Léo Pereira,57,letras,32,Leydy,10,Lippe Monteiro,20,Lisandro,20,Lista10,6,Loony Johnson,48,Loose Jr,7,Loreta kba,56,Lura,20,Maicam Monteiro,38,Mannó,4,maria silva,3,Mario Loff,75,Mario Lucio,22,Marito,11,Mauro Barros,4,Mayra Andrade,19,Mc Acondize,19,mc distranka,12,Mc Katxupa,19,mc prego,121,Mc Tranka Fulha,135,Mellanie Tavares,5,Menina Allycia,4,Mentis Kriolu,4,Meteo,1,Miguel Andrade,32,Mika Mendes,20,Miny blaa,16,Miss,38,Mister MC,5,Mito Kaskas,36,MituMonteiro,4,moda,140,MonteTxota,31,Morena Santana,14,Mota Jr,33,Mr. Carly,5,Mudjeris di Bom Sperança,16,Mural Valete,18,musica,4798,Myriiam,11,N.I.Abensuod,4,Nair Semedo,4,Nandorex,7,Naytchy MG,10,ne jah,47,Nelson Freitas,50,Nelson Junior,3,Neuza,27,Neyna,49,Nikess,5,Nissah Barbosa,14,Nittó Destiny,12,Nitto Love,7,Nuno do Guettoh,9,opinião,2440,OsmarBrito,1,Papa Rocha,4,PCC,15,pentiados,6,Platão Borges,18,pnd,3,Poema,239,policia,63,Politica,415,Populares da Semana,2,Princezito,35,Projota,18,Promo,78,Puto G,10,Quemé,10,racismo,8,Radio,1,Rahiz,48,Rapaz 100 Juiz,45,Ravidson,4,Ray G Corvo,10,Receitas,12,Ricky Boy,31,RimAsom,9,rip bela,4,Ritchaz,9,Romeu Di Lurdis,45,Rony Cirilo,8,Ruben Lobo,2,ruddy boy,9,Rui,35,Ruth Furtado,4,salamita,10,Samora,3,Sandrine,4,sandro monteiro,14,Santa de volta,11,Sara Andrade,9,Sara Tavares,10,saude,60,SCV,18,sebah,81,Selson Batalha,6,Sem Pressa,36,Sem Truques,7,ShadeB,20,SiBi,19,sociedade,3096,solidariedade,134,Som di Terra,3,sondagem,2,soraia ramos,81,Sos Mucci,48,StevenR,5,Su Boss,9,Surf,9,Sussu MT,7,Suzanna Lubrano,24,TACV,53,Tarrafal,254,Taylor Moikano,5,Teatro,15,Tec,11,Tecnologia,16,Thairo Kosta,28,The Profit,40,Tikai,45,Tinho Star,10,TitoParis,2,Tixa,22,To Semedo,21,Tony di Frank,19,Tony Fika,61,Tony Mamaidoka,13,toru,29,Totoloto,6,Trakinuz,32,turismo,6,Ultimas gotas,9,Vado Más Ki Ás,37,VanessaFurtado,8,vania,5,VannyReis,1,VBG,29,video,8232,Viral VDM,78,Wade Silvino,6,Will.G,5,WillG Loko,13,Willy Semedo,61,Wilson e Zidane,1,Wise Henrick,38,xaioi,4,Yara dos Santos,20,Young Problema,11,Za Preta,7,Ze Badiu,17,Zé Carlos,5,ze espanhol,85,Ze pikenu,10,Zé Spritu Guerrero,2,Zubikilla,3,
ltr
item
Dexam Sabi Cabo Verde: Esposa obediente. Primeira parte, por Mario Loff
Esposa obediente. Primeira parte, por Mario Loff
Se pensamos coisas grandes ficamos imensos, nem se for só no sonho
https://blogger.googleusercontent.com/img/b/R29vZ2xl/AVvXsEheGWeL6pJ1kgMidLx86ntrGwnmECtbQXdrmWl4PycK01mm-9pX3gNMKZ4-3pkfRt8uN0gJR72tu4stjjeMfPhZsrOH0NaQYaDOODpqHPSyqh2YUujmBRqxBYaqPvxllrEpE3IlFZWPHZju/w400-h226/mario+loff+by+levvy.webp
https://blogger.googleusercontent.com/img/b/R29vZ2xl/AVvXsEheGWeL6pJ1kgMidLx86ntrGwnmECtbQXdrmWl4PycK01mm-9pX3gNMKZ4-3pkfRt8uN0gJR72tu4stjjeMfPhZsrOH0NaQYaDOODpqHPSyqh2YUujmBRqxBYaqPvxllrEpE3IlFZWPHZju/s72-w400-c-h226/mario+loff+by+levvy.webp
Dexam Sabi Cabo Verde
https://www.dexamsabi.com/2024/02/esposa-obediente-primeira-parte-por.html
https://www.dexamsabi.com/
https://www.dexamsabi.com/
https://www.dexamsabi.com/2024/02/esposa-obediente-primeira-parte-por.html
true
777634241572887542
UTF-8
Loaded All Posts Not found any posts VEJA TODOS Ler Mais Reply Cancel reply Delete By Home PAGES POSTS View All RECOMMENDED FOR YOU LAB ARCHIVE SEARCH ALL POSTS Not found any post match with your request Back Home Sunday Monday Tuesday Wednesday Thursday Friday Saturday Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat January February March April May June July August September October November December Jan Feb Mar Apr May Jun Jul Aug Sep Oct Nov Dec just now 1 minute ago $$1$$ minutes ago 1 hour ago $$1$$ hours ago Yesterday $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago more than 5 weeks ago Followers Follow THIS PREMIUM CONTENT IS LOCKED STEP 1: Share to a social network STEP 2: Click the link on your social network Copy All Code Select All Code All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy Table of Content